O que é CPD e como armazenar dados com economia, eficiência e segurança?

Em tempos de transformação digital, em que a gestão eficiente de dados é essencial para qualquer empresa, entender o que é CPD (Centro de Processamento de Dados) e definir a melhor estratégia de armazenamento são questões essenciais.

Se você está diante deste dilema, este conteúdo o ajudará. A seguir, vamos explorar o conceito e demonstrar que existem alternativas mais eficientes e estratégicas do que armazenar os dados de sua empresa internamente, como o Colocation.

Neste conteúdo, você verá:

  • O que é CPD?
  • Como funciona o CPD?
  • Por dentro de um CPD: conheça a infraestrutura
  • Os desafios de manter um CPD
  • Os diferenciais do Colocation da Ascenty;
  • A importância de um Data Center sustentável.

O que é um CPD? Visão geral sobre o Centro de Processamento de Dados

O Centro de Processamento de Dados, ou Data Center, é o núcleo dos sistemas computacionais de uma empresa. Nesse ambiente estratégico, estão armazenados os dados e sistemas de uma empresa, sendo essencial para sua  operação.

É importante ter em mente que a informação se tornou um verdadeiro ativo para as empresas. Assim, os CPDs são projetados para garantir máxima segurança e contam com piso elevado para cabos, racks para equipamentos, e controle de acesso rigoroso.

Além disso, o ambiente deve ser dotado de sistemas avançados de segurança, incluindo detecção precoce de fumaça e extinção de incêndios. O objetivo é garantir a preservação dos equipamentos, mesmo em caso de recuperação de desastres.

Monitorado a todo momento, tanto fisicamente quanto logicamente, o CPD busca assegurar um funcionamento ininterrupto da infraestrutura de TI.

Como funciona um CPD?

Entender o que é um CPD exige conhecer melhor suas funções essenciais. Afinal, elas impactam diretamente o desempenho e os resultados do negócio.

Veja abaixo os processos fundamentais que constituem o CPD!

Processamento de dados

O processamento de dados no CPD envolve a análise e interpretação de informações. O objetivo é transformar esses dados brutos em informações relevantes para impulsionar decisões estratégicas.

Esses insights melhoram a eficiência operacional e proporcionam às empresas uma vantagem competitiva importante. Afinal, elas podem se adaptar conforme surgem demandas específicas do desempenho interno ou do mercado em que atuam.

Armazenamento Seguro

O CPD também deve preservar dados críticos, garantindo sua integridade e disponibilidade. Nesse sentido, é indispensável adotar tecnologias avançadas de backup e recuperação de dados.

Assegurar um armazenamento seguro protege a empresa contra perda de dados, minimiza riscos legais e ajuda a construir uma relação de confiança com os clientes.

Gerenciamento de Rede

Outro ponto crucial é administrar a conectividade entre sistemas, otimizando a comunicação interna e externa da organização. Um gerenciamento de rede eficaz impulsiona a colaboração, facilita a rápida resposta a demandas do mercado e fortalece a segurança da infraestrutura de TI.

Por dentro do CPD: uma jornada pela infraestrutura de processamento de dados

Ao adentrar a infraestrutura física de um CPD, nos deparamos com um ambiente complexo e altamente controlado. É visível que a segurança física é um pilar essencial: o CPD conta com salas protegidas e piso elevado para passagem de cabos.

Medidas como controle de acesso por cartões eletrônicos e/ou biometria, monitoramento permanente, e portas-eclusas reforçam essa barreira contra acessos não autorizados. Como você pode imaginar, trata-se de uma infraestrutura robusta — e, naturalmente, custosa.

Além disso, firewalls e criptografia são implementados para proteção dos dados. Aqui, é importante destacar que o CPD não é apenas uma fortaleza digital, mas segue normas e regulamentações rigorosas.

A ISO 27001, por exemplo, é uma garantia de conformidade legal e de integridade dos dados. Essa abordagem holística não apenas protege a informação, mas também constrói a confiança fundamental para o sucesso contínuo do CPD e das operações de negócios associadas a ele.

Os desafios de manter um CPD

Os CPDs enfrentam grades desafios, como a necessidade de escalabilidade para acompanhar o volume exponencial de dados. Além disso, é preciso lidar com os custos, que tendem a crescer constantemente.

Para as empresas, lidar com essas demandas significa enfrentar complexidades operacionais e financeiras. Isso porque um CPD pouco eficiente pode impactar negativamente a agilidade dos negócios e a competitividade no mercado.

Por isso, o investimento em inovação é uma estratégia insubstituível diante desses desafios. Não é à toa que cada vez mais organizações adotam soluções flexíveis e eficazes, como o Colocation, para otimizar a gestão dos CPDs e manter a excelência operacional.

As soluções da Ascenty surgem como um aliado poderoso, pois permite que empresas compartilhem instalações sem renunciar à excelência operacional e de segurança. Na prática, essas organizações conseguem otimizar recursos e superar barreiras de escalabilidade e custos operacionais.

Essa abordagem não apenas oferece espaço e infraestrutura, mas também proporciona uma transição suave para um ambiente mais econômico e adaptável. Assim, o Colocation representa uma resposta inteligente para maximizar a eficiência operacional dos CPDs.

Colocation Ascenty: a solução para a sua empresa

A Ascenty é líder em Colocation na América Latina, sendo a única empresa da região entre as 20 maiores empresas de Data Center do mundo. Isso ajuda a entender por que o nosso serviço de Colocation é a melhor escolha para o seu armazenamento de dados.

Ao investir nesse modelo, é possível aproveitar benefícios importantes, como:

  • Redução de custos significativa;
  • Suporte técnico 24×7;
  • Infraestrutura de classe mundial;
  • Máxima conectividade de dados;
  • Segurança e proteção avançada;
  • Mais de 200 certificações.

Esses são apenas alguns dos diferenciais que demonstram a excelência da Ascenty. Aliás, em 2023, fomos reconhecidos, pelo quarto ano consecutivo, como líder no quadrante Colocation do ISG Provider Lens de Colocation.

Para quem busca eficiência operacional e segurança robusta, fica fácil perceber a diferença que faz contar com uma solução desse porte. Tendo isso em mente, é importante destacar um último aspecto que uma gestão eficiente não pode ignorar.

Eficiência Energética: um dos grandes diferenciais dos Data Centers da Ascenty

Como provedora líder em Colocation, a Ascenty é, naturalmente, comprometida com a sustentabilidade. Isso porque, possui uma infraestrutura robusta e totalmente alinhada com as práticas ESG.

Prova disso é que somos uma empresa 100% Carbono Neutro, temos um sistema de iluminação dos CPDs totalmente em LED e investimos continuamente em equipamentos e sistemas com baixo consumo energético.

O Data Center ideal para sua empresa está na Ascenty!

Neste conteúdo, destacamos não apenas o que é CPD, como demonstramos os desafios de manter um Data Center interno e a solução estratégica para superar esse obstáculo.

O Colocation resolve os grandes dilemas de empresas que precisam armazenar seus dados em ambientes seguros, eficientes e conectados, sem precisar investir milhões na construção e manutenção desses espaços.

Quer entender como isso pode ser feito no cenário específico do seu negócio? Entre em contato com nossos especialistas e fale com quem é líder na América Latina!

Network Access Point: explicando o ponto estratégico de interconexões da Ascenty

Da ascensão da internet ao desenvolvimento de cidades inteligentes, a conectividade é decisiva para a transformação do nosso modo de viver, trabalhar e se comunicar. Nesse cenário, o Network Access Point é uma solução indiscutivelmente valiosa.

Não sabe do que estamos falando? Neste conteúdo, você poderá entender melhor como esse ponto de interconexão funciona e como ele participa da evolução de empresas, governos e, claro, do usuário final.

Continue conosco e saiba mais!

O que é Network Access Point (NAP)?

O Network Access Point (NAP) é um ponto concentrador de interconexões, onde vários provedores de serviços e de internet se conectam para trocar tráfego e entregar o máximo de conectividade aos seus clientes.

O NAP (Network Access Point) é um ponto estratégico de interconexões e acesso aos principais provedores de conteúdo do mercado.

Vale a pena destacar que um Data Center que conta com um NAP é extremamente conectado. Afinal, as informações armazenadas estão interligadas a diversos pontos ao redator do mundo.

Além disso, a presença de várias operadoras, e provedores de internet e serviços é fundamental para o projeto de conectividade de qualquer negócio.

Onde fica o NAP da Ascenty?

O Network Access Point da Ascenty está localizado no Campus de São Paulo. Porém, esse ponto se conecta a outros Data Centers, como Vinhedo e Campinas.

Na prática, todo o ecossistema de conectividade da Ascenty, incluindo a rede própria de fibra óptica que interliga os Data Centers, garante o melhor aproveitamento desse ponto de interconexão.

Por que a Ascenty decidiu estruturar seu próprio Network Access Point?

A Ascenty é líder de mercado e um de seus diferenciais é estar sempre atenta às demandas atuais e futuras de seus clientes. E foi por isso que o NAP surgiu!

Muitas empresas precisavam de uma conectividade estável e elevada para manter sua operação eficiente e encantar o consumidor final. Este era um desafio complexo, mas extremamente importante, por isso nos dedicamos a solucioná-lo.

O Network Access Point surgiu para entregar o que o cliente realmente precisa:

  • Conectividade de altíssima qualidade;
  • Acesso facilitado aos melhores provedores de conteúdo do mercado;
  • Custo acessível.

Como o NAP ajuda nos resultados de negócio

O NAP é essencial para as estratégias de conectividade das empresas modernas. Em um mundo cada vez mais globalizado, ter acesso rápido e simples ao conteúdo pode ser o diferencial para entregar boas experiências aos seus clientes. 

Mas isso não é tudo. Existem outros pontos positivos de ser investir no Network Access Point da Ascenty. Entenda!

Redução da latência

Com o NAP, sua empresa não precisa recorrer ao meio mais caro e demorado para acessar um conteúdo. Juntamente com todo o nosso ecossistema de conectividade, você se interliga aos principais conteúdos e operadoras com segurança e baixa latência.

Estrutura que impulsiona a conectividade

O NAP é composto por equipamentos de ponta, rede de alta velocidade e sistemas de monitoração e gerenciamento que impulsionam a conectividade e a transformação digital da empresa.

Disponibilidade garantida

O Network Access Point da Ascenty tem 100% de SLA de disponibilidade e energia assegurados em contrato. Isso significa que sua organização não ficará fora do ar por problemas técnicos em nossa rede.

Garanta mais escalabilidade com o NAP da Ascenty!

Com e evolução digital, as empresas precisam de espaço para armazenamento de dados e conectividade. O Network Acess Point é a solução ideal para essas demandas.

No caso da solução da Ascenty, não estamos falando apenas do NAP, mas de todo um ecossistema localizado no Campus de São Paulo, que se interliga e beneficia outros Data Centers também.

Junte-se aos mais de 500 clientes que já usufruem dessa robusta infraestrutura e escale seu negócio com segurança e agilidade. Fale agora com um especialista!

Link de internet dedicado para empresas: tenha o caminho livre para seu negócio na internet!

Que tal escutar esse artigo? Experimente!

A conectividade é um dos principais alicerces de uma operação empresarial eficiente, por isso a busca por soluções que tragam mais velocidade, estabilidade e segurança é uma prioridade. É nesse cenário que o link de internet dedicado para empresas, ou link IP, entra em cena!

Já pensou dirigir por uma estrada exclusiva, sem congestionamentos e riscos de interação com outros carros? Transfira essa ideia para o tráfego da internet e você pode visualizar melhor essa solução.

Neste conteúdo, vamos explorar os fatores que fazem do link de internet dedicado uma solução essencial para operar na era digital, especialmente em setores mais críticos, como o financeiro. Acompanhe!

O que é link de internet dedicado para empresas?

O link de internet dedicado para empresas é uma solução de conectividade que se resume na existência de um link de tráfego de dados exclusivo para uma determinada organização. Ele também é chamado de Link IP, sendo uma das inúmeras ofertas da Ascenty.

Mas, na prática, como tudo funciona? De forma bem simples, a conexão com a internet nada mais é do que a troca de dados entre servidores e provedores. Em um modelo tradicional, todos os usuários seguem pelo mesmo caminho.

Assim, em situações de pico, é possível enfrentar uma lentidão excessiva no acesso às informações, o que é crítico para algumas empresas. O link de internet dedicado surge como uma alternativa para esse desafio, garantindo que apenas o seu negócio use o link de internet.

O que seu negócio ganha com um caminho livre na internet?

Com a grande demanda por conectividade no mercado, é de se esperar que o tráfego na internet cresça a cada dia. Aliás, atualmente, quase todas as operações empresariais dependem de dados que estão armazenados na nuvem ou em Data Centers.

O congestionamento da rede pode prejudicar o funcionamento empresarial, gerando perda de oportunidades e uma insatisfação dos usuários.

E o que a sua empresa ganha ao investir nessa solução? Existem vários benefícios, mas os mais estratégicos para o atual cenário são:

Estabilidade

O tráfego de dados com o link de internet dedicado para empresas é muito mais estável do que no modelo tradicional. Assim, seu negócio deixa de sofrer com lentidão e interrupção nos serviços, operando com eficiência 100% do dia.

Segurança

Se a sua empresa lida com dados sensíveis, a segurança é uma de suas maiores preocupações. Com o link IP, esse desafio é menor, já que você não compartilha o link com nenhum outro usuário ou empresa.

Menor latência

A baixa latência é uma das demandas mais recorrentes das empresas atuais e o link dedicado entrega esse diferencial. Dessa maneira, você acessa suas informações e conteúdo com um tempo de processamento bem menor.

Conheça a solução de Link IP da Ascenty

A Ascenty é líder do mercado de Data Centers e Conectividade no Brasil e tem soluções para todas as demandas de infraestrutura e tráfego de dados das empresas. Com o Link IP, você tem 100% de disponibilidade para continuar crescendo.

E como funciona? Com o link IP, várias operadoras de telecomunicações são integradas à nossa estrutura física. Dessa forma, garantimos a conectividade por meio da redundância de IP.

Se, por algum imprevisto, uma das operadoras fique indisponível, os dados começam a ser transmitidos por outra operadora automaticamente. Ou seja, você continua com acesso aos dados e pode operar normalmente até que o problema se resolva.

Para quem essa solução é indicada?

No cenário atual, toda organização trabalha para manter a disponibilidade de seus serviços. Afinal, as interrupções provocam atritos com o cliente e diversos prejuízos.

O Link IP da Ascenty é a solução para negócios que não desejam enfrentar esse tipo de problema e buscam uma conexão à internet rápida, segura, estável e, claro, sempre disponível. Assim, é possível manter a eficiência operacional e executar várias ações, como:

  • upload e download de dados;
  • videoconferências;
  • trocas de dados entre colaboradores;
  • acesso a sistemas e relatórios;
  • manutenção dos serviços ao cliente.

Por que escolher a Ascenty?

Se você está em busca de um link dedicado para empresas, é provável que tenha encontrado diversos fornecedores no mercado. Com tanta variedade, surge a dúvida: qual escolher?

Quem compara escolhe a Ascenty e os motivos são simples:

  • A melhor e maior infraestrutura da América Latina;
  • 100% de SLA garantido em contrato para seu Colocation;
  • Qualidade do atendimento — 6 anos consecutivos na zona de excelência da NPS;
  • Amplo ecossistema de conectividade;
  • Flexibilidade e escalabilidade para atender as suas demandas
  • Rede própria de fibra óptica com mais de 5.000 km.

Aproveite o atendimento consultivo de nossos especialistas para tirar suas dúvidas e entender como o link de internet dedicado para empresas pode impulsionar o seu negócio. Fale agora com a Ascenty!

O que é link de conectividade? Tudo o que sua empresa precisa saber

Experimente ouvir o artigo!

Você sabe o que é link de conectividade? Entender esse conceito é essencial para toda empresa com foco em evolução digital. Afinal, como o próprio nome sugere, estamos lidando com um dos pilares da conectividade moderna.

Pense bem: é possível imaginar uma organização evoluindo sem internet? É realmente bem difícil encontrar uma empresa que não dependa do processamento online de dados e processos.

Mas, muito mais do que precisar da internet, é essencial contar com uma conexão rápida e estável. E é nesse cenário que o link de conectividade ganha destaque. Continue a leitura e tire todas as suas dúvidas sobre essa solução!

O que é link de conectividade?

O link de conectividade, também chamado de link dedicado, é uma rede exclusiva para empresas. Ou seja, um caminho livre na internet para seu negócio enviar, receber e processar dados.

Explicando melhor, toda vez que uma empresa acessar a internet, ela está fazendo uma troca de dados com um provedor. Em uma conexão comum, ela disputa espaço de tráfego com outras empresas e usuários, o que pode deixar a conexão mais lenta. No link dedicado, não há ninguém na mesma rede!

Assim, imagine uma estrada congestionada, com vários carros e caminhões indo para a mesma direção. O link de conectividade seria uma pista livre, em que apenas o seu carro poderia trafegar.

Link de conectividade x banda larga

Enquanto o link de conectividade entrega exclusividade na conexão com a internet, a banda larga é um link compartilhado. Ou seja, é uma rede utilizada por várias empresas e usuários.

É importante dizer que isso não significa que ela seja de baixa qualidade. O que acontece é que algumas empresas vão precisar de mais velocidade e privacidade para transmitir seus dados.

5 benefícios de contar com um link de conectividade (link dedicado)

Agora que você entendeu o que é link de conectividade, é importante entender como essa solução pode beneficiar sua empresa. Em resumo, existem muitos bons motivos para contar com uma rede exclusiva na internet. A seguir, listamos as suas 5 maiores vantagens. Veja!

1.      Conexão com a Internet mais segura

Se você tem um caminho exclusivo para trocar e processar seus dados, suas informações estarão mais seguras. Isso é extremamente importante para empresas do setor financeiro e que lidam com dados sigilosos e estratégicos.

2.      Tráfego de dados mais rápido e estável

Como estamos falando de um caminho livre na internet, o tráfego de dados é mais rápido e estável. Ou seja, sua empresa deixa de sofrer com lentidão no acesso à informação e com interrupções das atividades.

3.      Melhor experiência do cliente

Uma consequência lógica do link de conectividade é a melhoria da experiência do cliente. Afinal, com um acesso à Internet mais ágil e estável, todos conseguem operar em um nível ideal, tomando decisões em tempo real, sem gargalos de produtividade.

4.      Escalabilidade

Não podemos deixar de destacar que o link dedicado é um aliado da escalabilidade. Isso porque, a rede pode ser ampliada dentro das demandas da empresa. Esse é um diferencial importante para os provedores, que deixam de ser reféns da disponibilidade das redes compartilhadas para expandir sua operação.

5.      Maior controle de banda

Dentro da empresa, é normal que alguns setores precisem de uma banda maior. Com o link dedicado, é possível controlar a rede e liberar mais tráfego conforme a necessidade e estratégia ideal. Assim, é possível garantir a disponibilidade total de áreas e processos imprescindíveis.

Para quem é indicado o link de conectividade?

O link de conectividade é uma solução valiosa para empresas e provedores de internet. Isso porque, resolve algumas das principais demandas das duas partes: agilidade e segurança no tráfego de dados.

Sendo assim, toda empresa que percebe que a troca de dados está lenta demais, prejudicando sua operação e capacidade de atender às demandas do cliente deve considerá-la.

Do mesmo modo, provedores de internet que desejam oferecer uma experiência diferenciada a clientes com esse nível de exigência podem oferecer o link dedicado como uma solução estratégica.

As aplicações do link de conectividade no mundo corporativo

Você já sabe o que é link de conectividade, mas está em dúvidas sobre como ele realmente pode ser útil em sua rotina? Selecionamos alguns exemplos que podem te ajudar a entender:

  • É útil para ISPs, gerando acesso à internet;
  • Garante o acesso à internet em redes empresariais;
  • Assegura o tráfego de grandes volumes de dados com rapidez e segurança;
  • Melhora a performance de canais corporativos — intranet e extranet;
  • É um complemento importante para chamadas telefônicas por internet — sistemas PABX e VOIP;
  • Garante transmissões de vídeo e lives mais estáveis;
  • É vantajoso na hospedagem de sites e no uso de sistemas em nuvem;
  • Pode ser um diferencial para empresas com e-commerce.

Enfim, de modo geral, podemos dizer que o link dedicado é um aliado de todos os negócios que usam a internet em seu dia a dia. Mas as empresas que mais procuram esse serviço são:

A Ascenty tem as melhores soluções para ISPs

Em um cenário de alta concorrência e clientes exigentes em relação à qualidade e estabilidade da internet, é preciso entregar um serviço de alta performance. Mas, até mesmo grandes empresas de telecomunicações podem enfrentar interrupções em seus serviços.

A Ascenty trabalha para ser uma parceira confiável e tem soluções estratégias para as necessidades dessas empresas, como o Link IP e a Fibra Apagada!

E se você está em busca de um bom provedor de internet, acesse o nosso Marketplace. Lá você encontra os maiores fornecedores de tecnologia do mercado!

Certificação PCI DSS: qual a sua importância para o setor financeiro

Que tal acompanhar este artigo de uma maneira inovadora? Dê play no artigo!

Cuidar dos dados é uma das maiores responsabilidades das empresas modernas. Em setores, como o financeiro, isso é ainda mais crítico, em razão do teor e sigilo das informações trabalhadas. É para garantir um nível elevado de proteção que existe a Certificação PCI DSS.

Você já conhece essa certificação? Todo negócio que lida com dados bancários e realiza transações com cartões deve ficar atenta a ela.

Aliás, em um cenário de aumento de ataques cibernéticos, é fundamental ter um plano de segurança coeso e adequado aos padrões internacionais. E o PCI DSS criou um roteiro que merece ser destacado. Entenda melhor a seguir!

O que á a Certificação PCI DSS?

A Certificação PCI DSS (do inglês: Payment Card Industry – Data Security Standard) é um padrão de mercado que assegura o uso de cartões. Ou seja, um conjunto de padrões de segurança internacional para proteger as transações financeiras com cartões de crédito e débito contra fraudes e roubo de dados.

É importante destacar que o Padrão de Segurança de Dados da Indústria de Cartões de Pagamento (PCI DSS) foi criado em 2004 pela Visa, MasterCard, Discover Financial Services, JCB International e American Express. 

Lembrando que a Certificação PCI DSS é aplicável a pagamentos presenciais e digitais. Isso porque, seu maior objetivo é avaliar as condições de segurança para uso desse meio de pagamento.  

Conhecendo melhor a Certificação PCI DSS

Como dissemos, a Certificação PCI DSS é essencial para a segurança dos dados bancários de seus clientes e de sua empresa. Em geral, ela traz um amplo conjunto de requisitos e boas práticas, como:

  • Instalação de firewalls;
  • Criptografia de transmissões de dados;
  • Uso de software antivírus;
  • Controle de acesso aos dados;
  • Monitoramento de rede.

Ter essa certificação é uma forma de mostrar aos seus clientes que as transações com seu negócio são seguras. Assim, deixar de tê-la, é um risco para sua reputação, visto que estamos falando de um padrão mundial, amplamente divulgado.

PCI DSS 4.0: fique de olho!

Os padrões do PCI DSS já passaram por 10 atualizações. A última, chamada de PCI DSS 4.0, foi lançada em março de 2022, mas só começará a ser obrigatória após dois anos — ou seja, em março de 2024.

Essas atualizações acompanham as mudanças na indústria de pagamento por cartão e consideram o aumento dos riscos cibernéticos no setor financeiro. Assim, traz novos pontos que ajudam as organizações a atingirem níveis satisfatórios de proteção de dados.  refletem

É importante dizer que o PCI DSS 4.0 suporta o uso de tecnologias-chave, como a computação em nuvem e servidores virtuais. Além disso, suas atualizações mais significativas englobam:

  • Garante que o padrão continue a fomentar a segurança de dados em pagamentos com cartão;
  • Flexibiliza pontos e cria métodos para alcançar a segurança de dados;
  • Considera a evolução tecnológica e o uso de sistemas de pagamento em nuvem;
  • Aborda as mudanças no cenário de ameaças cibernéticas e melhora protocolos de validação;
  • Destaca a segurança e a conformidade com o PCI DSS como um processo contínuo.

Os 12 requisitos para obter a certificação PCI DSS

Apesar de a Certificação PCI SSC não ser uma imposição legal, é importante que as empresas que realizem transações com cartão de crédito ou débito se esforcem para se adequar. Afinal, ela é considerada a melhor forma de proteger dados e informações confidenciais.

Mas, fica a dúvida: como obtê-la? Em primeiro lugar, você precisa saber que existem 12 requisitos, divididos em 6 objetivos:

  1. Rede Segura
  2. Proteção de dados do titular do cartão
  3. Gestão de vulnerabilidades
  4. Controle de acessos
  5. Monitoramento de rede
  6. Segurança da Informação

Confira mais detalhes na tabela:

Vale destacar que esses requisitos são aplicáveis em diversos aspectos, processos e áreas que se relacionam com o setor financeiro e, consequentemente, com os dados armazenados:  

Os 4 níveis da Certificação PCI DSS

Além dos 12 requisitos apresentados, a certificação PCI DSS é dividida em quatro níveis, conforme o volume anual de transações com cartões da empresa. Nesse sentido, essa classificação é essencial para entender o que a organização deve fazer para garantir sua conformidade.

Nível 1: acima de 6 milhões de transações por ano;

Nível 2: entre 1 e 6 milhões de transações por ano;

Nível 3: entre 20 mil e 1 milhão de transações por ano;

Nível 4: menos de 20 mil transações por ano.

A seguir, detalhamos um pouco mais cada um desses níveis. Acompanhe!

Nível 1

Aplicável para grandes empresas, que processam mais de 6 milhões de transações com cartão de crédito ou débito. Esses negócios devem passar por uma auditoria interna por ano, além disso são submetidos a uma varredura de PCI feita por um fornecedor externo aprovado.

Nível 2

Essas empresas precisam passar por uma avaliação anual do PCI DSS, feito por meio de um questionário. Ademais, também se submetem à varredura trimestral de padrões.

Nível 3

Empresas classificadas no nível 3 do PCI DSS precisam passar por uma avaliação todos os anos, feito por meio de um questionário específico e relevante. Além disso, é possível que passem por uma varredura trimestral para verificar a conformidade dos padrões.

Nível 4

O nível 4 engloba empresas que processam menos de 20 mil transações no mercado eletrônico ou as que processam até 1 milhão de transações em meio físico. Elas também passam por uma avaliação anual feita por meio de questionário e podem ser submetidas a varreduras trimestrais.

Por que seus parceiros de negócio devem ter a Certificação PCI DSS?

Empresas que atuam com comércio eletrônico e realizam transações com cartão de crédito e débito precisam contar com parceiros confiáveis. E essa procura começa pela identificação da Certificação PCI DSS.

Como vimos, esse padrão internacional constitui uma camada básica (e necessária) para a segurança de dados. Portanto, é o mínimo para que um negócio venda com segurança e para que o cliente tenha tranquilidade para fornecer seus dados.

Se a sua empresa atua no setor financeiro ou exerce atividades que envolvem dados bancários sigilosos e sensíveis, é indispensável contar com parceiros certificados PCI DSS.

Apesar disso, vale destacar que um estudo da Verizon observou que apenas 27,8% das empresas estavam em conformidade com a certificação. Ou seja, a maioria das organizações ainda não está alinhada às suas regras.

Esse cenário revela um desafio para os gestores. Mas é importante dizer que, no mercado atual, é muito difícil evoluir sem se comprometer com a segurança de dados. Por isso, na hora de escolher uma empresa parceira, procure aquela com a Certificação PCI DSS!

Segurança de dados avançada: a Ascenty protege suas informações!

A Ascenty é a maior empresa de Data Centers da América Latina e possui a certificação PCI DSS! Isso significa que sua empresa tem a tranquilidade de armazenar suas informações em ambientes seguros, em conformidade com os padrões internacionais.

Esse é um dos motivos para atendermos os grandes players do mercado financeiro brasileiro. 4 dos 5 maiores bancos do Brasil são clientes Ascenty e confiam em nossos rigorosos protocolos e certificações para garantir a segurança de cada transação realizada.  

Quer saber como podemos ajudar sua empresa a se destacar e crescer com máxima segurança? Converse com um de nossos especialistas!

SLA de Atendimento no Colocation: não contrate sem analisar!

Dê play na sua jornada de conhecimento! Toque para ouvir o artigo.

O SLA de atendimento é um documento indispensável na área de tecnologia, especialmente quando falamos em Data Centers. Sem dúvidas, esse é um dos aspectos mais essenciais para contratar um bom provedor de Colocation.

Se você está procurando um parceiro, deve ter percebido que os provedores trabalham com diferentes SLAs. Mas, atenção: esse não é um mero detalhe de um contrato, por isso merece toda a sua atenção antes de tomar qualquer decisão.  

Neste conteúdo, vamos falar mais do tema, explicando o que é um SLA de atendimento, qual sua importância na contratação de Colocation e muito mais. Continue conosco!

O que é SLA de atendimento?

SLA (Service Level Agreement), em português Acordo de Nível de Serviço, é um acordo formal sobre a qualidade e maneira com que um serviço é prestado. Assim, é considerado um verdadeiro contrato entre provedor e cliente, tornando a relação mais transparente e segura para as duas partes.

Em geral, o SLA de atendimento vem anexo no contrato e conta com todas as regras, critérios e diretrizes que orientarão o serviço. O foco é garantir um bom nível de atendimento e oferecer uma boa experiência aos clientes.

Afinal, para que serve o SLA de atendimento?

O SLA de atendimento tem um papel fundamental na contratação de fornecedores de TI. Isso porque, documenta os detalhes do serviço, dando segurança jurídica para o contrato e evitando problemas.

Sendo assim, podemos dizer que o documento proporciona mais segurança e transparência na gestão de entregas. Além disso, define responsabilidades e deixa claro quais as métricas orientarão o trabalho de todos.

Com um SLA bem definido, sua empresa sabe exatamente o que esperar e como medir o desempenho do fornecedor. Ou seja, caso não esteja conforme a expectativa, fica mais fácil identificar o problema para corrigi-lo rapidamente ou trocar de parceiro.

O que não pode faltar no SLA de um provedor de Colocation?

O Colocation é uma modalidade de prestação de serviços. Afinal, há o fornecimento de uma infraestrutura digital de armazenamento de dados — o que inclui todos os cuidados e processos relacionados à segurança, eficiência, redundância e conectividade, por exemplo.

Sendo assim, o ideal é que o provedor de Colocation elabore esse documento junto com o cliente, de forma ampla e personalizada. Dessa forma, eles listam os detalhes da relação e definem o que e como o serviço será disponibilizado.

Para garantir um relacionamento vantajoso e seguro para as duas partes, existem questões essenciais no SLA de atendimento. São eles:

  • Identificação detalhada do provedor e do cliente;
  • Informações sobre onde os dados serão armazenados;
  • Informações sobre o tempo de atividade;
  • Diretrizes, métricas e relatórios;
  • Detalhes sobre processos de segurança da informação;
  • Restrições e penalidades para o descumprimento do acordo.

Lembre-se de que o objetivo é o sucesso da parceria. Portanto, se sentir falta de algum detalhe importante, converse com a empresa e peça que a informação seja incluída no Acordo de Nível de Serviço.

4 motivos para avaliar o SLA de atendimento antes de contratar um provedor de colocation

A análise do SLA é um fator estratégico na hora de escolher o provedor de Colocation ideal para seu negócio.

Em primeiro lugar, vale ressaltar: sem SLA de atendimento, não há acordo! O documento é uma segurança para as duas partes, pois detalha processos e delimita responsabilidades.

Mas se você ainda está em dúvidas sobre sua importância, é interessante conferir os 4 benefícios a seguir. Eles te ajudarão a ter uma visão do papel desse acordo.

1.      Garantia da qualidade do serviço prestado

Quando uma empresa assina um contrato de prestação de serviço, ela espera que o provedor faça entregas de qualidade, certo? Porém, por vários motivos, isso nem sempre acontece.

Nesse sentido, o SLA de atendimento é uma garantia extra e definitiva de qualidade. Ao listar as métricas para mensuração do desempenho, ela facilita a gestão da parceria por meio de dados objetivos e já listados no início da relação.

Além disso, a “régua” que o SLA de atendimento estabelece serve para que o provedor jamais se perca na hora de prestar o serviço. Pois ele sabe que, no momento que o fizer, pode haver consequências.

Outro ponto é que o SLA de atendimento ajuda os provedores a seguirem os padrões internos e externos, adequando-se mais rapidamente às rotinas dos seus clientes.

2.      Traz transparência na negociação

Como pontuamos, o SLA de atendimento é o documento ideal para dar maior segurança aos envolvidos. Isso porque, é um documento com garantia legal que traz mais transparência à relação.

Caso o gestor perceba que o serviço está abaixo das expectativas, basta mensurar as métricas e evidenciar as cláusulas. Assim, ele pode garantir uma rescisão amigável do contrato, evitando prejuízos com a manutenção de uma parceira negativa.

3.      Confere credibilidade

O SLA de atendimento é também um instrumento de credibilidade para os envolvidos. Pense bem: ao contratar um provedor de colocation, sua empresa espera firmar uma parceria de longo prazo, o que só ocorre quando se tem a certeza de que o serviço tem qualidade, segurança e eficiência.

Nesse sentido, um parceiro que cumpre o SLA tem uma boa reputação no mercado. Isso facilita a seleção da empresa e, mais do que isso, te dá a tranquilidade para operar enquanto seus dados estão protegidos.

4.      Garante satisfação para quem contrata o Colocation

Por fim, se a sua empresa espera determinado nível de serviço de um provedor, defina-o no SLA de atendimento. Suporte técnico, gestão da conta, service desk, tudo isso pode ser incluído no documento, conforme sua demanda e a política do parceiro.

As melhores empresas do mercado oferecem SLAs flexíveis e completos, alinhados com as principais práticas nacionais e internacionais. Assim, o cliente tem satisfação garantida e pode aproveitar de todos os benefícios do Colocation, sem dores de cabeça ou quedas na qualidade.

SLA de Atendimento no Colocation: dicas para você avaliar e contratar o melhor parceiro

Vai contratar um provedor de colocation? Você já entendeu que o SLA é sua segurança de uma contratação confiável. Mas, ainda pode estar com uma dúvida muito importante: como identificar um bom SLA de atendimento no Colocation.

A seguir, selecionamos algumas dicas que te ajudarão. Acompanhe!

Observe a Classificação TIER do Data Center

A classificação TIER é um dos maiores indicadores de que um Data Center é confiável e resiliente. Portanto, questione o provedor sobre essa certificação:

  • Tier 1: nível básico, em que a infraestrutura não oferece redundância;
  • Tier 2: existe um nível mínimo de redundância energética e de refrigeração;
  • Tier 3: alto nível de redundância. O Data Center consegue se manter funcionando por 72 horas sem fornecimento de energia.

Avalie a qualidade do suporte e atendimento ao cliente

Para garantir uma relação duradoura com uma empresa de Data Center, é essencial que ela ofereça um suporte de qualidade. Nesse sentido, é válido conferir como os atuais clientes o avaliam.

Quer um exemplo? Veja como a Ascenty se empenha para garantir o melhor atendimento:

  • Suporte em regime Scalation List — inclusive, com o telefone do CEO;
  • Zona de Excelência na avaliação dos clientes — NPS acima de 85%;
  • Suporte em português, inglês e espanhol;

Ascenty: a melhor infraestrutura, com o melhor nível de serviço do mercado!

E, então, sua empresa, já conta com um Colocation de qualidade, com diretrizes claras, coerentes e bem detalhadas em um SLA de atendimento? Se a resposta é ainda não, conte com a Ascenty!

Líder absoluta do Quadrante ISG por 4 anos seguidos e eleita a Empresa do Ano de serviços de Data Centers pela Frost&Sullivan, a Ascenty garante o melhor serviço, personalizado para as necessidades da sua organização!

São 34 Data Centers em operação/construção, estrategicamente instalados no Brasil, Chile, Colômbia e México, interligados por uma rede de fibra óptica nova e própria de mais de 5.000 km de extensão. Aliás, essa rede também os conecta às estações de cabos submarinos de São Paulo, Rio de Janeiro e Fortaleza.

Que tal conhecer mais sobre as soluções de Colocation da Ascenty? Nosso time está pronto para te atender!

As vantagens dos serviços de Cloud Computing sob medida 

Enquanto muitas empresas já entendem os benefícios de investir em serviços de Cloud Computing, outras não sabem como dar os primeiros passos. Além disso, ainda existem negócios que utilizam a nuvem em alguns setores, mas têm dificuldades de enxergá-la como uma solução geral para as suas necessidades de TI. 

De fato, nem todo dado e serviço pode (ou deve) ser migrado para a nuvem. Mais do que isso: mesmo os que podem aproveitar essa transição, devem receber um olhar personalizado para suas necessidades.  

É por isso que a oferta de serviços de Cloud Computing sob medida cresce no mercado. Afinal, resume-se em um serviço consultivo, que considera as demandas de cada negócio e permite um projeto alinhado com suas expectativas e capaz de gerar os melhores resultados técnicos e financeiros.  

Para entender melhor o funcionamento e as vantagens dos serviços de Cloud Computing sob medida, continue a leitura e confira o conteúdo que preparamos! 

O que são serviços de Cloud Computing? 

Serviços de cloud computing equivalem ao fornecimento de recursos de computação sob demanda por meio da Internet. Assim, em vez de depender de infraestrutura física local — como servidores e sistemas de armazenamento —, os usuários podem acessar e utilizar vários recursos remotamente, a partir da contratação de provedores terceirizados. 

Portanto, estamos falando da disponibilidade de recursos computacionais fornecidos por provedores de serviços de nuvem, como: 

  • Servidores; 
  • Redes; 
  • Armazenamento; 
  • Bancos de dados; 
  • Softwares. 

Esses provedores são responsáveis por gerenciar a infraestrutura e garantir que os serviços estejam sempre disponíveis e acessíveis aos usuários, independentemente de onde e quando. 

Quais os principais tipos de serviços de Cloud Computing? 

A oferta de serviços de Cloud Computing cresce com a evolução da tecnologia. Por isso, é possível encontrar uma grande variedade de soluções, ideais para as variadas necessidades empresariais.  

A seguir, listamos os principais tipos desses serviços. Confira e tire suas dúvidas!  

Software como Serviço (SaaS) 

O modelo SaaS é aquele em que há o fornecimento de sistemas aos usuários como um serviço. Assim, os aplicativos são hospedados e gerenciados pelos provedores de nuvem e o cliente pode acessá-los por meio de uma interface web ou aplicativo específico — eliminando a necessidade de instalação e manutenção local de softwares. 

Infraestrutura como Serviço (IaaS) 

No modelo IaaS, os usuários têm acesso a recursos de infraestrutura virtualizados, como: servidores virtuais, armazenamento, redes e outros componentes necessários para compor uma infraestrutura de TI.  

Aqui, o provedor de nuvem é responsável por manter a infraestrutura física subjacente. Já os usuários têm acesso e controle total sobre esses recursos, incluindo a configuração, gerenciamento e escalabilidade. 

Plataforma como Serviço (PaaS) 

Nesse formato, os usuários recebem uma plataforma completa para o desenvolvimento, execução e gerenciamento de aplicativos. Assim, é valioso para programadores e desenvolvedores. 

O provedor PaaS tem o papel de hospedar os componentes de hardware e software em sua infraestrutura. Desse modo, o cliente tem acesso a tudo por meio de uma conexão com a internet e consegue construir e implantar aplicativos com mais facilidade. 

Function as a Service (FaaS) 

O FaaS é um modelo em que os desenvolvedores podem executar pequenos trechos de código (funções) em resposta a eventos ou solicitações específicas.  

Com o FaaS, esses profissionais focam apenas no código da função, sem precisar se preocupar com a infraestrutura necessária ou o gerenciamento de servidores. Isso porque, o provedor de nuvem aloca os recursos computacionais necessários automaticamente, de acordo com a demanda. 

As vantagens dos serviços de Cloud Computing sob medida 

Como vimos, as necessidades específicas dos usuários são extremamente relevantes para o melhor aproveitamento da nuvem. Afinal, a ideia é conseguir usar e pagar apenas por aquilo que o seu negócio realmente precisa

Diante disso, há diversas vantagens que justificam a utilização do formato sob demanda. Se você ainda tem dúvidas, confira algumas possibilidades e benefícios!  

Ter um Data Center sob medida 

Algumas organizações optam por não levar seus dados para um ambiente em Cloud Computing e preferem investir na criação de um ambiente de processamento próprio.  

Embora essa abordagem não seja a melhor estratégia do ponto de vista financeiro, ela é eficaz quando há a necessidade de um maior nível de controle sobre a infraestrutura de TI. 

Nesse caso, é preciso contar com certa expertise para a implantação bem-sucedida de um Data Center que verdadeiramente atenda às necessidades desse cliente. Sendo assim, é preciso avaliar diversos aspectos, como:  

  • gestão de riscos; 
  • escalabilidade; 
  • segurança; 
  • conformidade a normativos; 
  • requisitos físicos da infraestrutura — cabeamento, rede elétrica, climatização e instalação e configuração de roteadores e switches. 

Tudo isso faz diferença no resultado alcançado. Por isso, é interessante contar com um apoio consultivo, que o auxilie a determinar a estrutura necessária e disponibilize os recursos para uma gestão eficaz do ambiente.  

Em muitos casos, mesmo com a construção de um Data Center próprio, é possível transferir sua operação e gestão a uma empresa especializada. Assim, o negócio pode seguir com um foco maior em seu core business.   

Crescer com ambientes híbridos 

A nuvem híbrida já é uma realidade de mercado e combina serviços locais em nuvem privada com serviços de nuvem pública. Conforme a demanda, as cargas podem se concentrar mais na nuvem privada ou na pública, considerando outros fatores como: custo, requisitos computacionais e disponibilidade de recursos

Entretanto, manter um ambiente híbrido funcionando é um grande desafio. Nesse caso, vale contar com o papel consultivo de especialistas para evitar riscos e aumento de custos com serviços de Cloud Computing.  

O importante é que a empresa tenha à sua disposição uma infraestrutura flexível o bastante para garantir uma operação lucrativa e manter o foco no negócio, seja no curto, médio ou longo prazo. 

Aproveitar o potencial de diversas plataformas 

Embora escolher a plataforma seja um desafio, a personalização dos serviços de Cloud Computing sob demanda ajuda a melhorar o ROI da estratégia.  

Explicando melhor, além de ter valores e benefícios diversos, as plataformas podem proporcionar resultados diferentes para cada tipo de empresa.  Assim, uma decisão errada é capaz de gerar prejuízos financeiros e de desempenho.   

Sendo assim, a orientação de especialistas é uma estratégia inteligente que o ajudará a avaliar cuidadosamente as suas necessidades e aproveitar todo o potencial de um serviço sob medida para os seus desafios.  

Reduzir custos de forma estratégica 

Migrar para a nuvem é uma forma de gerar economia com infraestrutura, mão de obra qualificada e gestão de segurança. Mas serviços de cloud computing sob medida ainda têm o benefício de otimizar os investimentos do negócio, garantindo retornos vantajosos e adequados à sua realidade e necessidade. 

Como os serviços e soluções são planejados e dimensionados de maneira estratégica, a empresa é capaz de investir de forma muito mais eficiente. Isso porque, sempre avalia suas necessidades, prioridades e possibilidades.  

Por isso, os serviços de Cloud Computing sob medida também são altamente recomendados para quem precisa controlar gastos sem renunciar aos avanços tecnológicos e operacionais proporcionados por bons investimentos em TI. 

Vá para a nuvem no Marketplace da Ascenty! 

Como vimos, ao optar pelos serviços de Cloud Computing sob medida, sua empresa pode desfrutar de uma série de vantagens. Aliás, escalabilidade, flexibilidade, segurança, redução de custos operacionais e maior eficiência são apenas alguns exemplos. 

Mas, se você não sabe por onde começar ou escolher o parceiro ideal, nós podemos te ajudar! No Marketplace da Ascenty, você encontra os melhores fornecedores do mercado e pode impulsionar sua transformação digital. 

Não perca mais tempo e migre para a nuvem. Acesse aqui o Marketplace e escolha seu fornecedor

Read More