Qual a real importância do compliance de TI para a sua empresa? 

A falta de cumprimento das boas práticas de segurança da informação, bem como de leis e políticas de privacidade internas pode abrir brechas na infraestrutura de um negócio. Por isso, o compliance de TI é tão importante. 

E a sua organização, já está alinhada com o compliance em TI ou ainda sofre para entender como implementar as normas, evitando que os dados, processos e o próprio caixa da empresa sofram as consequências? 

Na prática, quando falamos de compliance em TI, trata-se basicamente de um instrumento que assegura maior nível de competitividade diante dos concorrentes, bem como reforça a resiliência da sua infraestrutura tecnológica. 

O grande problema é que muitos gestores, líderes e demais tomadores de decisão nas empresas pouco sabem sobre o conceito, sua relação com a Segurança da Informação e como implementá-lo em sua operação. 

Por isso, preparamos um guia simplificado, respondendo a todas essas questões. Vamos aprender mais? Siga a leitura! 

Por que a sua empresa precisa estar em compliance de TI? 

E afinal, por que o compliance de TI é algo que a sua empresa precisa seguir? Afinal, as diretrizes de segurança da informação não são o suficiente para garantir que o negócio não abra brechas em sua infraestrutura de dados? 

Compliance nada mais é do que um termo inglês que significa “conformidade”. 

Ou seja, estar em compliance é o mesmo que estar em conformidade, atendendo a um conjunto de regras ou padrões. 

Como disciplina corporativa, a segurança da informação está preocupada com confidencialidade, integridade e disponibilidade de informações e ativos de tecnologia de uma organização. 

Assim, compliance de TI significa ser capaz de atender a regras ou padrões sobre a proteção de dados e informações. Hoje, existem uma série de regulamentações governamentais (como a LGPD), industriais, setoriais, entre outras, para qualquer organização. São normas, boas práticas e exigências que determinam requisitos específicos de segurança. 

E uma coisa é saber que essas diretrizes e regras existem — hoje, é difícil encontrar um líder de negócio que não saiba o que é ou do que se trata a LGPD. No entanto, outra é garantir que a sua empresa siga essas diretrizes e regras — o que o compliance de TI faz!  

Compliance de TI e Segurança da informação não são sinônimos 

Apesar dos termos parecerem sinônimos, compliance de TI e segurança da informação são coisas diferentes, mas que geram o mesmo resultado.  

Na prática, o compliance é a forma que uma empresa se organiza para cumprir com determinações, regras, normas, boas práticas e exigências de fornecedores, clientes e governos. É algo que lida com a aderência aos requisitos aplicáveis, que podem ser estatutários, internos ou contratuais. 

Não existe apenas um tipo de compliance, na verdade, é algo que se aplica a todas as empresas. 

Em um chão de fábrica, por exemplo, os funcionários que operam o maquinário devem cumprir o compliance relativo à sua função, que obviamente vai focar em evitar acidentes. 

Já no setor fiscal, o compliance relativo à sua função tem como foco evitar fraudes tributárias que prejudiquem o negócio em relação ao Fisco.  

O mesmo pode se dizer do compliance de TI, que assegura que a disciplina de segurança da informação seja seguida! Essa, por sua vez, é um conjunto de práticas, ferramentas, métodos e diretrizes com foco em garantir a integridade da infraestrutura tecnológica do negócio. Mantendo assim seguros os dados dos clientes. 

Por exemplo, o compliance de TI não vai ensinar como se proteger de um ciberataque — esses pilares são definidos pela política de segurança de informação de um negócio. 

A segurança de TI e a proteção de dados geralmente não se limitam apenas a medidas baseadas em conformidade, mas em diretrizes de regulamentação externas guiados por princípios — como é o caso da LGPD. 

A lei brasileira de dados não diz que a empresa deve instalar um software X e um antivírus Y, apenas que deve garantir a confidencialidade e integridade dos dados de seus clientes pessoas físicas. 

Qual o caminho para a implementação do compliance de TI na sua empresa 

E afinal, como garantir o compliance de TI em sua empresa, assegurando que os funcionários e gestores sempre sigam as melhores práticas de segurança da informação? 

Bom, essa é uma jornada um tanto complexa, mas que pode ser resumida a alguns passos, como: 

  • Entendimento dos requerimentos legais, internos e contratuais que devem ser aderidos; 
  • Assessment dos treinamentos, ferramentas e métodos necessários para tanto educar os colaboradores, como assegurar que eles possam cumprir os requerimentos; 
  • Uso de soluções que monitorem por meio do rastreio de KPIs o desempenho da empresa ao seguir o compliance. 

Vale ressaltar a importância de realizar treinamentos, de modo a não apenas inteirar os colaboradores sobre o assunto, mas verdadeiramente engajá-los, mostrando a importância do tema. Além disso, o uso da tecnologia é essencial. 

Com uma infraestrutura robusta e escalável, contando com auxílio de um provedor que possua as principais certificações do mercado, a segurança física e digital do seu negócio está garantida! 

Como a Ascenty pode ajudá-lo nesse sentido  

E afinal, você sabia que a Ascenty pode ser uma parceria valiosa na jornada da sua empresa em busca do compliance de TI? 

Além de ser líder em data centers na América Latina, bem como contar com um amplo portfólio de serviços de conectividade e suporte, a Ascenty também possui os principais certificados de segurança. 

Ou seja, buscando uma infraestrutura resiliente para hospedar seus servidores ou locar um rack em nosso próprio data center? 

Conte com a Ascenty, empresa certificada com o ISO 27001, que define o padrão mundialmente aceito de gestão da Segurança da Informação em ambientes de TI. 

Estamos alinhados com as principais organizações de tecnologia do mundo! 

Outra prova é a nossa Certificação PCI DSS, que assegura total integridade dos dados na hora de processar pagamentos online via cartões de crédito. Assim, não importa se o seu negócio é uma indústria B2B com foco no outbound ou uma rede de varejo com raízes no e-commerce B2C, você pode confiar nas nossas soluções! 

Que tal aprender mais sobre as nossas possibilidades e como a Ascenty pode ajudar seu negócio? Converse com nossos especialistas